Nota de Edições do Guarda-Mór que polo interés reproduzo:
Fruto de 40 anos de trabalho nos mais importantes arquivos nacionais, Jorge Forjaz e António Ornelas Mendes têm, pronta para publicar, uma edição monumental da sua investigação sobre as Famílias da Ilha Terceira, região sobre a qual o único estudo que lhe foi dedicado - o «Nobiliário da Ilha Terceira» de Eduardo de Campos de Castro de Azevedo Soares (Carcavelos) - data de 1907. Começando pelos primeiros povoadores de seiscentos, os autores desenvolvem até à actualidade as genealogias de centenas de famílias que, a partir da Terceira, se espalharam pelas várias ilhas dos Açores, especialmente São Miguel, Graciosa, Faial, São Jorge, Flores, pela Madeira e pelo Continente, distribuídas por cerca de 400 capítulos, subdivididos em 1.500 sub-capítulos, e com mais de 15.000 notas.

Para quem conhece dois dos anteriores trabalhos de Jorge Forjaz - "Famílias Macaenses" e "Os Luso-Descendentes da Índia Portuguesa" - as características gráficas serão em tudo semelhantes, constituíndo a principal diferença o número de volumes previsto - oito, com cerca de 750 páginas cada - que transformam este trabalho no maior estudo de genealogia alguma vez publicado em Portugal.

O custo estimado desta obra será de 350 euros, estando previstas várias modalidades de pagamento, incluíndo a repartição em seis ou doze prestações mensais.

Pelas suas características especiais, a tiragem será praticamente limitada aos subscritores, o que a transformará em pouco tempo numa raridade bibliográfica.

No sentido de avaliar o interesse do público em geral e dos genealogistas em particular, as Edições do Guarda-Mór lançam, a partir de hoje, uma pré-inscrição, sem qualquer compromisso, bastando preencher o formulário disponibilizado para o efeito. Prevê-se a publicação para princípios de Dezembro deste ano.

Com os melhores cumprimentos
Guarda-Mor, Lda
Luis Amaral